Já garantiu seu salto?!
Não saia antes de garantir seu dia!

A Sky Company está preparada para responder qualquer dúvida que tenha em relação aos saltos e pacotes oferecidos.

Venha curtir essa aventura com
segurança e qualidade.
Agende seu Salto

O homem e o ar: 5 atividades no céu!

O homem e o ar: 5 atividades no céu!

Descubra 5 atividades no céu para aproveitar, se divertir como nunca e sentir a adrenalina fluir pelo corpo

 

 

A relação do homem e o ar nunca esteve tão em alta como nos últimos anos. Com o paraquedismo se tornando cada vez mais popular, muitas pessoas estão aproveitando para experimentar a sensação de saltar de paraquedas e, assim, viver momentos inesquecíveis.

 

 

Dessa forma, para aqueles que querem mergulhar na aventura, existem diversas atividades que podem ser feitas para despertar sensações diferentes. Nesse caso, as modalidades de paraquedismo se destacam com opções para todos os gostos.

 

 

Quer conhecer como a interação do homem e o ar pode ser extremamente criativa e prazerosa? Então, fica ligado nas 5 atividades que separamos para fazer no céu. Boa leitura!

Atividades do homem no ar

#1: Salto duplo de paraquedas

O salto duplo é muito recomendado para iniciantes e curiosos – mas não limitado a eles. Na modalidade, um instrutor profissional, com muitas horas de paraquedismo, acompanha toda a aventura guiando e controlando o aluno em segurança até o solo.

 

Essa fase de iniciação ajuda os novatos a pegarem gosto pela aventura no céu e, desse modo, faz com que a prática se torne algo mais sério e regular. Assim, após saltos e mais saltos, o amor pela aventura no céu acontece de forma natural e verdadeira – o que faz nascer a relação do homem com o ar.

 

Voltando às características da modalidade, o salto duplo de paraquedas proporciona cerca de 30 segundos em queda livre, com aproximadamente 8 minutos de voo de paraquedas aberto. É uma ótima oportunidade para contemplar a natureza e viver uma sensação única de liberdade.

homem-ar-salto

 

#2: Base Jump

Destinado para paraquedistas profissionais, corajosos e radicais, o bae jump consiste em um salto de um morro, prédio, ponte, entre outras “plataformas”, no qual o tempo entre o salto e abertura do paraquedas é bem reduzido.

 

Apesar de parecer simples, essa modalidade requer muita técnica e experiência no paraquedismo, portanto, poucos atletas se destacam no base jump.

 

Um famoso salto de base jump realizado no Brasil é o salto de Felix Baumgartner, que saltou a partir do braço do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, em 2001. O atleta estabeleceu o recorde da modalidade com a menor altura de base jump realizada até os dias atuais.

#3: Freefly

O freefly também tem um alto nível de complexidade e aventura, já que os paraquedistas realizam manobras mais variadas em alta velocidade. Inclusive, dependendo da posição, as manobras impactam diretamente na velocidade da queda livre – que pode atingir incríveis 400 km/h.

 

Aqui, novamente, a modalidade é realizada por profissionais que viram o freefly como uma evolução do paraquedismo tradicional. Dessa forma, conseguiram se realizar com a prática dessa ousada versão do salto de paraquedas.

 

Na prática, o freefly é realizado por, pelo menos, duas pessoas: um paraquedista responsável por realizar os movimentos e outro para registrar a ação. Essa combinação fortalece a relação do homem com o ar de uma forma inesquecível, seja para quem salta ou filma toda a aventura.

#4: Wingsuit

O Wingsuit é uma roupa especial com “asas” que o paraquedista utiliza debaixo dos braços, que permite o deslocamento rápido e preciso pelo céu. Nesse esporte, o objetivo é se deslocar pela maior distância possível para mostrar qual atleta possui mais controle sobre o equipamento e, por consequência, maior habilidade de voo.

 

Essa modalidade de esporte aéreo foi inspirada em alguns mamíferos que conseguem realizar o mesmo tipo de movimento, como é o caso de alguns esquilos e, claro, dos morcegos. Desse modo, o esporte conseguiu – com sucesso – imitar a natureza de modo eficiente.

 

Leia também:

#5: Freestyle

Também conhecido como “estilo livre”, a modalidade freestyle é realizada por paraquedistas experientes e que desejam ir além de um simples salto de paraquedas. Aqui, os saltos também são realizados em duplas, onde um atleta faz as manobras e outro filma toda a ação.

 

Durante a queda, o paraquedista freeflyer realiza movimentos diversos, que lembram o balé e ginástica rítmica. Assim, para realizar esses movimentos com precisão é necessária muita habilidade, sem contar em uma grande coordenação motora corporal.

 

No entanto, o resultado de técnica e habilidade resultam em um verdadeiro espetáculo do homem no ar.

Vem sentir a adrenalina!

Agora que você conheceu 5 atividades no céu para fortalecer a relação entre o homem e o ar, que tal se preparar para viver essa aventura inesquecível? Se você quiser saltar de paraquedas, certamente irá experimentar segundos de aventura, adrenalina e, claro, muita diversão.

Postagens Relacionadas

logo WhatsApp

Entre em contato com a Sky Company Paraquedismo:

como chegar
clique aqui e trace sua rota pelo Waze
como chegar de ônibus
© Copyright 2020 | Sky Company Paraquedismo - Boituva, SP | Todos os direitos reservados - Política de Privacidade